Doutrina: entendimento

Trazer a paz. Trazer a luz a todos aqueles que a esta casa cheguem em busca da caridade.

Não deveis descuidar disto. A cada um de vós que vinde a esta casa cabe a tarefa de trazer a paz e a luz a todos.

Quão bom seria se todos pudessem não só receber seu quinhão de paz e de luz mas que pudesse ceder àqueles que também participam deste banquete, muita paz e muita luz.

Como conseguir isto?Não basta chegar até aqui com o corpo. Mister se faz a dedicação de algum tempo ao estudo da doutrina. Não nos cansaremos de afirmar isto. Não deixaremos de reprisar isto. Todas as vezes que nos for possível, visto que o silêncio tem sido a tônica até após a leitura dos textos pré-estabelecidos pelo condutor dos trabalhos desta mesa.

Os médiuns, principalmente, precisam se conscientizar da necessidade do estudo, PELO MENOS, dos livros de Kardec. É primordial que vocês encontrem tempo para a leitura, para a evolução de vocês para os trabalhos que precisareis desenvolver nesta casa. É preciso constância. É preciso que levem a sério o trabalho que ora desenvolvemos. É preciso que isto seja como o ar que respiras ou o alimento material que buscas para saciar as necessidades do corpo.

Precisas lembrar que o espírito necessita, e muito mais, que a matéria, do alimento. O alimento do espírito é a caridade, a luz, a devoção ao trabalho espírita, é fazer bem ao semelhante e, doar ao semelhante, aquilo que ele necessita.

Entendais que semelhante não é apenas o corpo físico. Por semelhante é preciso entender o ser imaterial que habita dentro de cada um de vocês.

Precisam tomar a sério o que está sendo dito. É preciso que cada um possa ter a possibilidade de expor suas dúvidas e buscar o esclarecimento necessário.

Amigos, temos notado que muitos não estão levando o trabalho da mediunidade de acordo com o que se espera. Não é apenas sentar à mesa e receber espíritos. É necessário o aprendizado. E isto leva tempo! Tempo necessário para se aprender certo.

É preciso que as idéias sejam entendidas em sua amplitude. Não buscai a contestação apenas para alcançar o seu entendimento. Não deixai de acreditar que o Pai está presente a todas as reuniões. Não deixai de aprender as lições que estão sendo levadas até vocês.

Amigos, é preciso humildade, pois só se aprende desta forma. Pode até ser que alguns possam discordar deste posicionamento mas é preciso entender o que está sendo dito.

Amigos, buscai sempre o aprendizado, constante e consciente. Muitos não tem participado: precisa haver participação de todos! Lembrai-vos irmãos dos exemplos existentes na natureza. Olhai uma carreira de formigas carregando e armazenando alimentos para o seu sustento futuro. Vocês precisam buscar os exemplos na natureza. Contemplai-a e busquem nela os ensinamentos que o Pai está te passando através dela.

Amigos, queremos a evolução de vocês. Estamos aqui para ajudá-los.

Que a paz de Jesus possa estar sempre em seus corações. Que as suas mãos possam sempre ser elementos de transporte da luz do Pai para aqueles que ainda não a alcançaram.

Mensagem psicografada no dia 12/11/1992 na Casa de Catarina – Rio de Janeiro.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s