Cuidar do corpo e do espírito

12fev09
O corpo é o instrumento da alma. Ele é usado pelo Espírito para poder se relacionar com o mundo visível. Investido no corpo, a alma passa a ter limitações. As percepções enviadas pelo Espírito através do corpo ficam de certo modo amortecidas, porque é como se o corpo fosse uma barreira que impede a passagem total das manifestações espirituais. O Espírito é obrigado a servir-se do cérebro para emanar sua vontade, mas um cérebro que nem sempre está em bom estado. É como se o Espírito fosse um ótimo músico obrigado a usar um instrumento imperfeito.

Daí é que vem a necessidade de se cuidar do corpo, para que o nosso Espírito possa dispor de um instrumento em bom estado para pôr em prática as lições aprendidas no mundo espiritual. Existem religiões que crêem que a torturação do corpo é uma maneira de se chegar a perfeição. Acham que, pelo sofrimento das dores carnais da própria flagelação, estaremos nos tornando melhores. Esse tipo de crença é muito comum nos muçulmanos, no Irã, onde flagelam seus corpos com chicotadas nas costas para aliviar os pecados. Não devemos buscar os martírios do corpo, mas devemos ser ávidos pelo martírio da alma. Já os materialistas vêem apenas o corpo humano como uma máquina, que, com a morte, nada mais resta, porque eles julgam saber tudo e não admitem que haja coisa alguma que esteja acima do seu entendimento.

Cuidar do corpo não quer dizer cultuar o corpo. Tudo deve ser feito sem exageros, moderadamente, para que não se cometa o pecado da exibição, alimentado pela vaidade. Segundo Allan Kardec, a ação do Espírito sobre o físico é de tal modo evidente que por vezes se vêem graves desordens orgânicas produzidas por efeito de violentas comoções morais. Por exemplo: compreende-se que um Espírito irascível deve levar um ser a ter um temperamento ruim, mau gênio, de onde se segue que um homem não é colérico porque tenha um mau gênio, mas que é temperamental porque é colérico. Outro exemplo: um espírito mole e indolente deixará o seu organismo num estado de fraqueza em relação ao seu caráter, ao passo que, se for ativo e energético, dará ao seu sangue, aos seus nervos, qualidades bem diferentes. Então conclui-se que a expressão vulgar: “A emoção lhe fez subir o sangue”, não é assim tão sem sentido como acreditávamos.

E como podemos cuidar do Espírito? Talvez seja uma pergunta que muitos fazem e não imaginam que a resposta é bem simples: cuidamos do nosso Espírito através dos bons pensamentos, das boas ações, do nosso comportamento, da nossa boa conduta moral e principalmente da prece. A prece é uma invocação, por ela nós estabelecemos uma relação mental com o ser a quem nos dirigimos. Ela pode ter por objeto um pedido, um agradecimento ou um louvor. Podemos orar por nós mesmos ou pelos outros, pelos vivos ou pelos mortos.

Diz Allan Kardec, em O Evangelho Segundo o Espiritismo, que o homem atrai os bons Espíritos, que o vêm sustentar nas suas boas resoluções e inspirar-lhes bons pensamentos. Adquire assim a força moral necessária para viver e vencer as dificuldades espirituais e físicas. Através da prece ele encontra forças para resistir as tentações e revoltas, tão comum aos seres, quando se encontram doentes.

ESE – Capítulo XVII, item 11



2 Responses to “Cuidar do corpo e do espírito”

  1. 1 Marcela

    Ótimas palavras para os que buscam um conforto espiritual. Com o passar da vida, enxergo com mais clareza o quanto o nosso espírito precisa de cuidados, de zelo, de respeito. As dores da alma são as mais profundas e difíceis de serem superadas. Somente com sintonia a Deus e aos nossos anjos, poderemos encontrar uma paz verdadeira e livramento dos pecados e ilusões deste mundo que tudo rouba das pessoas.
    Cuidar do espírito exige empenho, dedicação, e entendimento de que o único que permanece é ele. Exige também afastamento dos desejos carnais e a busca pela missão que Deus dá a cada um na Terra.
    Reconheço que há pouco tenho passado por tamanhas aflições, e que elas tem me motivado a buscar o cuidado para com o meu espirito. Só agora aos 29 anos tenho sentido que a vida é muito além do que agente possa imaginar.

    Estou na busca do entendimento da minha missão perante os demais irmãos. Tenho clamado a Deus para me dirigir os passos e através da oração, tudo vai se revelando passo a passo, através das pequenas coisas.

  2. 2 Lúcia Helena Rena

    muito esclarecedor este texto. Dá a direção àquele que busca ser melhor a cada dia, neste mundo. Obrigada pela palavras simples de estudo sobre a doutrina dos espíritos. Que Jesus nos abençõe.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: